Início » Colunas » Coluna do Verchai » Liverpool recebe a taça de campeão da Premier League e comemora título

Liverpool recebe a taça de campeão da Premier League e comemora título

Fernando Verchai

Festa fora e dentro de campo

Os torcedores não puderam estar presentes no estádio de Anfield Road para celebrar o título, mas os jogadores sabem que nunca caminharão sozinhos. O clima foi de festa total fora das 4 linhas, com a celebração do ato de entrega da taça de campeão.

View this post on Instagram

CHAMPIONS OF ENGLAND ✊

A post shared by Liverpool Football Club (@liverpoolfc) on

E para desespero do Chelsea, o clima não mudou quando o juiz apitou o final da partida. O campeão foi com tudo para cima dos Blues e desafiou a lei da natureza com a sobreposição do vermelho (fogo) diante do azul (água). A temperatura esquentou com o ritmo imposto pela equipe comandada por Jurgen Klopp, que chegou a abrir 3 a 0 só no primeiro tempo. Naby Keita abriu o placar com um golaço de fora da área, Alexander-Arnold ampliou em mais uma de suas cobranças de falta magistrais e Wijnaldum fez o terceiro aproveitando sobra de bola na área.

Com direito à goleada, Liverpool vence o Chelsea em jogo do recebimento da taça de campeão inglês (Reprodução: Twitter)

Nos acréscimos da etapa inicial, Alisson conseguiu espalmar chute “à queima-roupa” de William, mas Giroud estava bem posicionado para empurrar pro fundo da rede e descontar para o Chelsea: 3 a 1.

O Chelsea voltou para o segundo tempo indo para cima do time da casa, mas logo aos 10 minutos Firmino recebeu cruzamento açucarado de Alexander-Arnold e testou firme pro fundo da rede. O gol poderia ter feito os visitantes desanimarem, mas Abraham não demorou para descontar, depois de linda jogada individual de Pulisic. Na sequência, o próprio norte-americano tratou de fazer o terceiro do Chelsea: após cruzamento de Hudson-Odoi, Pulisic dominou, girou e bateu no ângulo para marcar mais um golaço na partida. A esta altura, o time de Frank Lampard precisava de mais um gol para conquistar pelo menos um ponto em Anfield e se lançou mais uma vez ao ataque. A equipe visitante estava quase toda no ataque quando Andy Robertson cortou um cruzamento em bola parada e partiu em arrancada. Neste tempo, Curtis Jones tocou para Sadio Mané na esquerda, que acionou Robertson já na meia-lua do campo. O lateral-esquerdo dos Reds acelerou a jogada pra cima da marcação e deixou Jorginho na poeira antes de fazer o cruzamento para Oxlade-Chamberlain completar pro fundo da rede.

O gol decretou a vitória do Liverpool, por 5 a 3, e levou a equipe aos 96 pontos na competição. Na próxima e última rodada, marcada para acontecer às 12 horas de domingo (26), o Liverpool joga fora contra o Newcastle, enquanto o Chelsea recebe o Wolverhampton no Stamford Bridge. Os Blues precisam de pelo menos um empate para garantir sua vaga na próxima Liga dos Campeões.

Liverpool vence rival e comemora título inédito

View this post on Instagram

I N C R E D I B L E ❤ #LFCchampions

A post shared by Liverpool Football Club (@liverpoolfc) on

Nesta quarta-feira (22), o Liverpool recebeu o Chelsea em seu tradicional estádio, Anfield Road, e chegou aos 96 pontos na Premier League com vitória por 5 a 3 diante do rival. Além do encerramento da penúltima (37ª) rodada, a partida marcou a entrega da taça da Premier League ao campeão. Antes da entrega oficial, porém, sob os holofotes das câmeras de todo o mundo, o troféu recebeu a escritura permanente da temporada disputada e o nome do seu campeão (2019/20 – Liverpool). Esta será a primeira vez que o Liverpool entra para o seleto grupo de times que venceram a Premier League, competição que passou a ter esta denominação e atual formato de disputa à partir da temporada 1992/93. Apesar de ser o segundo clube que mais venceu títulos do Campeonato Inglês, agora apenas há um título de alcançar o Manchester United, a última conquista do Liverpool havia sido na temporada 1989/90 (30 anos atrás), quando o Campeonato Inglês ainda era chamado de Division One.

Os Reds bateram na trave algumas vezes durante este longo período, mas o vice-campeonato da temporada 2013/14 ficou bastante marcado por ter sido quando chegava ao fim a carreira de um de seus maiores ídolos, Steven Gerrard, o qual se aposentou sem a conquista nacional. Antes de deixar os gramados, no entanto, Gerrard pôde transmitir algo especial a um jogador que foi preparado para liderar os Reds após a sua aposentadoria. Nesta quarta-feira, os jogadores entraram um a um no estádio e se posicionaram em um palco montado em frente à arquibancada onde normalmente fica a torcida mais tradicional dos Reds, atrás de um dos gols. O último a subir para receber a medalha de campeão da Premier League foi o tal líder da equipe dentro de campo, o capitão Jordan Henderson. O volante teve a honra de segurar o troféu nas mãos e levantá-lo ao ar como se o estivesse apresentando aos torcedores, que puderam celebrar esta conquista pela primeira vez. O jogador chama a atenção por realmente ter o poder de comandar o meio de campo da equipe comandada por Jurgen Klopp, sendo, ao mesmo tempo, combativo e articulador.

Jordan Henderson, o Liverpool e o futuro

O meia inglês de 30 anos, que também já jogou na defesa e até na ponta direita, já é tido, por muitos, como o melhor meio-campista da Premier League 2019/20. Henderson é visto como uma peça essencial na Seleção da Inglaterra e deve ser um dos principais ícones da equipe na próxima Copa do Mundo. Com a Premier League do Liverpool que o meia conseguiu, certamente será uma das principais esperanças dos ingleses para a conquista de outro título que muitos ídolos não conseguiram: a Copa do Mundo. Mas até lá ainda há muito para acontecer no futebol e, por enquanto, o foco de Henderson segue sendo o Liverpool, que, ao término da Premier League, retorna aos gramados apenas na próxima temporada. A equipe do técnico Jurgen Klopp e seu fiel escudeiro, Jordan Henderson, o líder dentro de campo, já deve estar ansiosa por conquistar mais títulos na próxima temporada. Por ora, segue a mensagem do treinador alemão aos torcedores do Liverpool: “vocês nos fizeram felizes. Muito obrigado! Nós todos temos que celebrar. Mas comemorem em casa, seguros” disse Jurgen Klopp. E finalizou: “bebam o que vocês quiserem!”.

Acesse apostas esportivas no site do Betmotion.

Além disso, confira, também, a nossa página betmotionbr no Instagram, com bônus, dicas e promoções.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.