Botafogo supera Vasco e avança na Copa do Brasil

Fernando Verchai
Fernando Verchai

Após vitória na primeira partida, alvinegro carioca segura o cruz-maltino em São Januário.

Nesta quarta-feira (23), o clássico carioca, entre Vasco e Botafogo, no Estádio de São Januário, movimentou a 4ª e última fase da Copa do Brasil (antes das oitavas de final). Na semana passada, no Estádio Nilton Santos, o Botafogo conseguiu arrancar uma vitória simples, por 1 a 0, e levou a vantagem do empate para a partida da volta.

Com 0 a 0 em São Januário, Botafogo avançou na Copa do Brasil graças ao gol de Matheus Babi na vitória por 1 a 0 no jogo de ida, no Engenhão (Reprodução: Instagram/Botafogo)

Mesmo assim, a equipe comandada por Paulo Autuori iniciou a partida com uma postura ofensiva, buscando surpreender o Vasco da Gama. Só que o gol não veio e, com o passar do tempo, a equipe cruz-maltina foi tomando conta do jogo. No entanto, como o Botafogo rapidamente fechou suas linhas de marcação, o Vasco teve muita dificuldade para criar oportunidades e acabou levando perigo apenas em chutes de fora da área. A melhor chance foi em pancada de Andrey da intermediária, que Gatito Fernández conseguiu espalmar, mandando pela linha de fundo. Era pouco para uma equipe que precisava da vitória e, por conta disso, Ramon Menezes fez logo 2 alterações para o segundo tempo, tornando o Vasco mais ofensivo. O problema é que o Vasco continuou com muita dificuldade para envolver a defesa adversária e continuou levando perigo apenas arriscando de longe. Enquanto isso, o Botafogo seguia abusando dos contra-ataque e até levava mais perigo do que o time da casa. No entanto, nenhuma das equipes conseguiu criar grandes oportunidades e a partida terminou sem gols, o que foi suficiente para garantir o Botafogo nas oitavas de final. Para o Vasco, até que seja definido o retorno da Copa Sul-Americana, que pode acontecer por meio de fase de grupos (no mesmo formato da Libertadores), resta o Campeonato Brasileiro, pelo qual entra em campo no próximo domingo (27), em São Januário, contra o RB Bragantino. Já o Botafogo, que não disputa qualquer competição continental, aguarda seu próximo adversário na Copa do Brasil, que será definido por sorteio no dia 1º de outubro. Até lá a equipe alvinegra se concentra no Campeonato Brasileiro, onde enfrenta o Atlético Goianiense fora de casa no domingo (27), e na próxima quarta-feira (30) recebe o Bahia no Nilton Santos, em partida adiada da 1ª rodada.

Ceará, América Mineiro e Juventude também já confirmaram classificação às oitavas de final da Copa do Brasil

Também nesta quarta-feira (23), o Ceará, que já havia vencido na primeira partida (por 2 a 0), recebeu o Brusque na Arena Castelão e não tomou conhecimento da equipe catarinense, a qual disputa a Série C do Campeonato Brasileiro. O Brusque até saiu na frente com Alex Sandro em cobrança de pênalti e preocupou o Vozão até os 45 minutos do primeiro tempo, quando Vinícius Goes (o Vina) penetrou pelas linhas de marcação da equipe catarinense e deixou Rafael Sobis na cara do gol para empatar a partida. À partir de então, foi só alegria para o Ceará. Depois do intervalo, o alvinegro cearense não só reverteu o placar, com mais um gol de Rafael Sóbis, como aumentou a vantagem com Bérgson, com gol contra de Airton e, finalmente, com Tiago Pagnussat, fechando 5 a 1 sobre o Brusque (7 a 1 no placar agregado).

Na terça-feira (22), América Mineiro e Juventude foram os primeiros a garantirem vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil, além daqueles que entram diretamente nesta fase da competição (os classificados para a Libertadores: Flamengo, Santos, Palmeiras, Grêmio, Athletico Paranaense, São Paulo, Internacional e Corinthians; e os campeões da Série B, RB Bragantino, da Copa do Nordeste, Fortaleza, e da Copa Verde, o Cuiabá). Enfrentando a Ponte Preta, o América Mineiro mostrou superioridade na partida da volta, em casa, após empate em 2 a 2 em Campinas, e conseguiu vencer com tranquilidade. Felipe Azevedo, Alê e Rodolfo marcaram para o Coelho, e Apodi descontou para a Macaca nos minutos finais, já sem qualquer chance de reação. Já o Juventude teve muito mais dificuldade para passar pelo CRB. Depois de vitória por 2 a 0 em Santa Catarina, o Juventude viu o CRB abrir o placar na partida da volta, em Alagoas, com Léo Gamalho, ainda no primeiro tempo. Na etapa final, porém, com mais vontade do que qualidade de criação, o CRB apostou nas bolas aéreas para buscar o 2º gol e levar a partida para os pênaltis, mas o Juventude conseguiu se segurar e garantiu a classificação.

Em Goiânia, Atlético-GO e Fluminense definem última vaga para as oitavas

Nesta quinta-feira (24) será definido o último classificado para as oitavas de final da Copa do Brasil. Depois de ter vencido no Maracanã, pelo placar simples de 1 a 0, o Fluminense precisa de apenas um empate fora de casa para garantir a classificação. Como o atacante Fred segue fora por ter testado positivo para o Covid-19, Luiz Henrique deve ser mantido como centroavante, jogando ao lado de Wellington Silva e Michel Araújo no setor ofensivo. No entanto, o maior trunfo do Fluminense estará no meio de campo: com 6 gols marcados, Nenê é o artilheiro da competição até aqui e segue sendo a maior esperança de gols do tricolor carioca. Do outro lado, precisando de uma vitória por 2 gols de diferença para alcançar a classificação, o Atlético Goianiense enfrenta alguns problemas para a partida. O técnico Vágner Mancini não vai contar com o meia Éverton Felipe, que já disputou a competição pelo Cruzeiro, além do artilheiro Renato Kayzer, que acertou sua ida ao Athletico Paranaense ainda nesta semana. Em contrapartida, o Atlético Goianiense pode contar com o volante Marlon, que retorna de lesão no tendão do quadril e pode pintar na equipe titular.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *