Roland Garros: Nadal e Djokovic vão se enfrentar nas semifinais

Rogerio Jovaneli
Rogerio Jovaneli
rafael nadal e novak djokovic na final de 2020 de roland garros

Em reedição da final de 2020, Nadal e Djokovic se enfrentam na semifinal deste ano de Roland Garros(Divulgação/Roland Garros)

Finalistas da edição do ano passado, Rafael Nadal e Novak Djokovic vão se enfrentar nas semifinais da edição deste ano de Roland Garros. As duas semifinais masculinas serão na sexta (11).

Atual campeão e número 3, Nadal busca do seu 14º título do Aberto francês e o posto de maior vencedor isolado de Grand Slams. O espanhol possui 20 majors, assim como o suíço Roger Federer.

Para tanto, superou nesta quarta (9) o argentino Diego Schwartzman por 3 sets a 1, com parciais de 6/3, 4/6, 6/4 e 6/0, em 2h45.

Desde que o “rei do saibro” estreou em Paris, em 2005, ele só não foi campeão de Roland Garros em três edições: 2009, 2015 e 2016, ganhas respectivamente por Federer (que desistiu do torneio deste ano antes das quartas), pelo também suíço Stan Wawrinka e pelo adversário destas semifinais, o número 1 Novak Djokovic.

E é bom lembrar que em 2016 Nadal nem derrotado foi, Saiu do torneio devido a uma lesão no pulso, antes da terceira rodada.

Curiosamente, embora tenha vencido a edição de 2016, foi na anterior, na qual perdeu a final, que Djoko derrotou Nadal, por 3 sets a 0, nas quartas.

Pois bem, Nadal e Djokovic só voltarão a se enfrentar agora nas semifinais porque o sérvio bateu o valente tenista italiano Matteo Berrettini, por 3 a 1 (parciais de 6/3, 6/2, 6/7 e 7/5), em partida disputada também nesta quarta.

Berrettini (número 9) foi às quartas sem precisar jogar, já que era ele quem Roger Federer enfrentaria. No entanto, o suíço optou por desistir em função de problemas físicos. Ele vem de recuperação de duas cirurgias no joelho.

Tsitsipas e Zverev fazem outra semi masculina

Do outro lado do chaveamento, disputarão as semifinais o grego Stefanos Tsitsipas e o alemão Alexander Zverev, respectivamente número 5 e 6 do mundo.

Tsitsipas eliminou o russo Daniil Medvedev, atual número dois do mundo, por 3 sets a 0, com parciais 6/3, 7/6 (3) e 7/5, enquanto Zvervev chega pela primeira vez entre os quatro melhores de Roland Garros graças a uma vitória categórica igualmente por 3 a 0 sobre o espanhol Alejandro Davidovich Fokina (46º da ATP), com parciais 6/4, 6/1 e 6/1.

Semifinais femininas serão nesta quinta. Confira os duelos

Entre as mulheres, uma das semifinais será entre a grega Maria Sakkari (que eliminou a atual campeã, a polonesa Iga Świątek, por 2 a 0) e a tcheca Barbora Krejcikova (que derrotou a jovem americana Coco Gauff também por 2 sets a 0).

Do outro lado, tentarão uma vaga na final a eslovena Tamara Zidansek e a russa Anastasia Pavlyuchenkova. Ambas as semifinais serão nesta quinta (10).

Finais

A final feminina de Roland Garros será no sábado (12), e a masculina, no domingo (13).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *