Início » Esportes » Futebol Internacional » Ronaldinho Gaúcho rompe silêncio após prisão no Paraguai

Ronaldinho Gaúcho rompe silêncio após prisão no Paraguai

Rogerio Jovaneli

Preso com o irmão Assis no Paraguai desde março, quando entraram no país apresentando documentos falsos – desde o último dia 7 em prisão domiciliar, num hotel de luxo na capital Assunção, após pagarem fiança -, Ronaldinho Gaúcho concedeu a primeira entrevista desde sua detenção.

(Reprodução: Twitter do jornal ABC Color)

Ao jornal ABC Color, falou nesta segunda (27) sobre a difícil situação que estão passando no país sul-americano. “Foi um duro golpe. Nunca imaginei que passaria por uma situação dessas. Durante toda a minha vida, busquei atingir o mais alto nível profissional e trazer alegria às pessoas com o meu futebol”, disse a estrela do futebol brasileiro e mundial.

O craque se defendeu, contando sobre o que motivou sua ida e do irmão ao Paraguai, alegando desconhecimento sobre estarem portando documentos adulterados.

“Tudo o que fazemos é a partir de contratos gerenciados por meu irmão, que é meu representante. Nesse caso, fomos para participar do lançamento de um cassino online, conforme especificado no contrato, e do lançamento do livro ‘Craque da Vida’, organizado com uma empresa no Brasil que tem o direito de explorar o livro no Paraguai. Ficamos totalmente surpresos ao saber que os documentos não eram legais. Desde então, nossa intenção tem sido colaborar com a Justiça para esclarecer o fato. Explicamos tudo e facilitamos tudo o que a justiça nos solicitou”, declarou.

“Tenho minha fé, sempre faço minhas orações para que as coisas se resolvam e, bem, oxalá isso acabe logo”, disse o craque brasileiro.

Acesse apostas esportivas no site do Betmotion.

Além disso, confira, também, a nossa seção de Análises e Palpites.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.