Início » Colunas » Coluna do Verchai » Porque West Ham e Watford pode ser melhor jogo da 36ª rodada do Inglês

Porque West Ham e Watford pode ser melhor jogo da 36ª rodada do Inglês

Fernando Verchai

 

A parte de baixo da elite.

Quando falamos sobre o melhor campeonato por pontos corridos do mundo, evidentemente não podemos desconsiderar nenhum time que o disputa. É claro que alguns, seis no caso da Inglaterra (Liverpool, Manchester United, Manchester City, Chelsea, Tottenham e Arsenal), costumam estar na parte de cima da tabela em todas as temporadas, principalmente por conta do poderio financeiro que possuem, que lhes permite montar elencos sempre muito competitivos.

A inglesa Premier League é a principal liga nacional de futebol do mundo (Imagem: reprodução)

Isso não significa, no entanto, que os clubes menos afortunados da Inglaterra não sejam atrativos. O Sheffield United, por exemplo, que subiu para a primeira divisão na temporada passada, chegou a ameaçar uma vaga entre os quatro melhores da Premier League e, atualmente na oitava colocação, ainda tem chance de estar na próxima Liga Europa. Outros clubes, no entanto, não conseguem se sair tão bem. É o caso do Norwich City (20º colocado), que subiu com o título da EFL Championship de 2018/19, mas não conseguiu engrenar na Premier League, é apenas o último colocado e já não tem chance de escapar do rebaixamento. Faltam apenas duas rodadas para o fim da competição e, até lá, mais dois times terão o mesmo fim trágico do Norwich. Até aqui, Aston Villa (19º) e Bournemoth (18º) são os mais próximos de disputar a Championship na próxima temporada. Ambos somam 31 pontos e estão há três de alcançar Watford (17º) ou West Ham (16º), as duas equipes mais próximas de entrar na zona do rebaixamento.

Por que a partida entre West Ham e Watford vale mais do que escapar do rebaixamento?

Nesta sexta-feira (17/07), às 16 horas, o West Ham recebe o Watford no Estádio Olímpico de Londres para o jogo que marca o encerramento da 36ª rodada. Ambos os times ainda lutam contra o rebaixamento, e aquele que vencer praticamente garante sua permanência na Premier League, pois abre seis pontos de vantagem em relação à Aston Villa (19º) e Bournemouth (18º), faltando exatamente duas rodadas para o fim da competição. No entanto, mais do que espantar de vez o risco de rebaixamento, a partida também é uma questão de honra, principalmente para o West Ham. Além de jogar em casa, o time da capital da Inglaterra não é rebaixada há quase dez anos e, na temporada 2015/16, após investir no mercado de transferências, até conquistou vaga para disputar a Liga Europa. Na atual temporada, ainda que o West Ham tenha perdido peças importantes, esteve bem abaixo das expectativas e frequentou a zona de rebaixamento com regularidade. Foi com a chegada do técnico David Moyes, no fim do primeiro turno, que o time, a passos lentos, começou a melhorar. Nos últimos quatro jogos foram nove gols marcados em duas vitórias, um empate e uma derrota. O West Ham se destaca por ser o time com o maior número de gols marcados entre os dez últimos colocados da Premier League, e deve se apegar ao fator ofensivo para buscar uma vitória nesta sexta-feira. O Watford, por sua vez, chega para o confronto embalado por duas vitórias consecutivas, e deve apostar em seu sistema defensivo para segurar ao menos um empate fora de casa. Portanto, se você pretende fazer uma aposta no Betmotion.com para esse jogo, a dupla chance, de vitória do West Ham ou empate, pode ser satisfatória.

Briga por vaga na próxima Liga dos Campeões deve ir até a última rodada

Ainda na terça-feira (14/07), o Chelsea abriu a 36ª rodada da Premier League com vitória por 1 a 0 sobre o Norwich City (20º), que já estava rebaixado, e deu um passo fundamental na busca por uma vaga na próxima Liga dos Campeões.

Giroud marcou o gol da vitória do Chelsea sobre o Norwich (Reprodução: Twitter/Chelsea)

O time de Frank Lampard se manteve na terceira colocação com o resultado e um ponto à frente de seus principais adversários (na tabela), Leicester City (4º) e Manchester United (5º), que também somaram três pontos na rodada. O Leicester venceu o Sheffield United (8º) em casa por 2-0, mesmo placar da vitória do Manchester United, fora de casa, sobre o Crystal Palace (14º).

Rashford comemora gol marcado na vitória do United sobre o Cystal Palace, em Londres (Reprodução: Instagram)

Assim, a decisão dos outros dois clubes, além de Liverpool (1º) e Manchester City (2º), que estarão na próxima Liga dos Campeões fica ainda mais intensa nas últimas duas rodadas da Premier League. Principalmente por conta do jogo entre Leicester e Manchester United, na 38ª e última rodada, que acontece no dia 26 de julho (último domingo do mês). Se ambos voltarem a vencer na próxima rodada, a partida do dia 26 pode definir quem vai à sonhada Liga dos Campeões e quem terá de se contentar com a Liga Europa. O time comandado por Brendam Rodgers terá a vantagem de jogar em casa, mas os comandados de Ole Solskjaer terão vantagem em caso de empate, pois ficariam na frente na tabela por conta do critério de desempate: confronto direto (no primeiro turno, em Old Trafford, vitória do Manchester United sobre o Leicester por 1-0). Mas tudo também depende do Chelsea, que joga contra o Liverpool fora de casa no dia 22 (próxima quarta-feira) e, na última rodada (dia 26), enfrenta o Wolverhampton no Stamford Bridge. Nesse domingo (19/07), pela 37ª rodada, o Leicester City joga fora de casa contra o Tottenham (7º), que ainda luta por vaga na Liga Europa, e o Manchester United recebe o West Ham (16º) em sua casa.

Acesse apostas esportivas no site do Betmotion.

Além disso, confira, também, a nossa página betmotionbr no Instagram, com bônus, dicas e promoções.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.