Início » Colunas » Coluna do Verchai » Perto do Mundial, Palmeiras começa bem o Paulistão

Perto do Mundial, Palmeiras começa bem o Paulistão

Fernando Verchai

Faltando 12 dias para a estreia no Mundial, Palmeiras vence e convence nos 3 a 0 sobre a Ponte Preta, no Allianz Parque, pelo Paulistão.

Saiba onde assistir ao Paulistão 2022

murilo celebra gol contra ponte preta pelo paulista 2022

Na vitória sobre a Ponte Preta, pelo Paulistão 2022, no Allianz Parque, Murilo marcou o seu primeiro gol com a camisa do Palmeiras (Foto: Cesar Greco)

A dias da estreia do Mundial, Palmeiras vence segunda no Campeonato Paulista

O Palmeiras, atual Bicampeão da Copa Libertadores da América, só pensa em uma coisa neste início de temporada: o Mundial de Clubes. A equipe comandada por Abel Ferreira caiu nas semifinais para o Al-Ahly no ano passado e não conseguiu disputar a decisão mundial contra o Bayern de Munique, algo difícil de engolir para o torcedor palmeirense, mas, também, para o técnico e seu elenco. E o início de temporada que faz o Palmeiras no Campeonato Paulista deixa evidente a vontade de todos de fazer diferente no Mundial de Clubes deste ano. Não que o Palmeiras não se importe com a competição estadual, mas a intensidade que a equipe alviverde demonstra desde a primeira partida da temporada não é algo comum. Se tornou normal, inclusive, para muitos gigantes brasileiros, que disputam muitas competições em uma mesma temporada, ir com um time reserva ou mesmo das categorias de base para a disputa dos estaduais. E, normalmente, mesmo quando entram com o time principal, o início de temporada costuma deixar evidente a margem para evolução, mas não é o que acontece com o Palmeiras neste início de 2022. Mais do que se apresentar a manutenção do trabalho que vem sendo feito nos últimos anos, o Palmeiras de Abel Ferreira começou este ano procurando mais variações táticas e evolução no setor ofensivo. O

Verdão estreou no Campeonato Paulista no último domingo (23), enfrentando o Grêmio Novorizontino fora de casa com o mesmo time com o qual jogou a final da Libertadores, contra o Flamengo, no ano passado, formado por: Weverton; Mayke, Luan, Gustavo Gómez e Joaquin Piquerez; Danilo, Zé Rafael, Raphael Veiga e Gustavo Scarpa; Dudu e Rony. Acostumado a ter uma postura mais reativa, como foi contra o Flamengo na final da Libertadores, o Palmeiras teve de sair de sua zona de conforto para propor o jogo diante do Grêmio Novorizontino na estreia do Campeonato Paulista, mas correspondeu bem. A equipe comandada por Abel Ferreira tomou conta das ações ofensivas e saiu de sua primeira partida oficial de 2022 vencendo por 2 a 0, com gols de Zé Rafael e Dudu, em dois belos chutes fortes da entrada da área. E nesta quarta-feira (26), pela segunda rodada do Campeonato Paulista, Abel Ferreira foi a campo com mudanças no setor defensivo e não encontrou resistência da Ponte Preta jogando no Allianz Parque.

Análise da partida:

Na quarta-feira o Palmeiras recebeu a Ponte Preta no Allianz Parque com três modificações em relação à estreia, todas no setor defensivo: o goleiro Marcelo Lomba substituiu Weverton; o zagueiro recém-contratado, Murilo, substituiu o capitão Gustavo Gómez, e Marcos Rocha voltou para a lateral-direita, substituindo Mayke. No setor ofensivo, apesar de não ter feito substituições, Abel Ferreira mudou o posicionamento dos atletas. Gustavo Scarpa, por exemplo, que havia retornado para a titularidade na última temporada com uma função um pouco mais defensiva, voltou a ter mais liberdade no campo de ataque, especificamente pelo lado esquerdo. Dessa forma, Dudu fica aberto pelo lado direito do campo de ataque, com Rony na frente e Raphael Veiga flutuando pelo meio para armar as jogadas à frente de Zé Rafael e Danilo, que também chegam ao setor ofensivo com constância e, diga-se, muita qualidade. Foi assim que o Palmeiras dominou a Ponte Preta desde os primeiros minutos no Allianz Parque na última quarta-feira, em sua segunda partida pelo Campeonato Paulista. Ainda antes dos 10 minutos do primeiro tempo, Murilo abriu o placar para o Palmeiras: Zé Rafael finalizou mal aproveitando sobra na entrada da área, mas a bola se ofereceu para o zagueiro balançar as redes logo em sua estreia pelo novo clube.

O Palmeiras seguiu sendo criativo e efetivo no setor ofensivo e completou o placar de 3 a 0 ainda antes dos 30 minutos do primeiro tempo: Luan marcou aos 22’ em cobrança de escanteio de Gustavo Scarpa e Rony também deixou o dele depois de uma bela jogada do meio de campo, que terminou com um belo passe de Raphael Veiga nas costas da marcação para o novo camisa 10 palmeirense. Como era de se esperar, o time de Abel Ferreira diminuiu o ritmo depois de fazer 3 a 0 e a Ponte Preta até passou a se aventurar no campo de ataque, mas não foi efetiva. No segundo tempo o Palmeiras voltou a crescer e pressionar, mas sem tanto ímpeto não foi capaz de voltar a balançar as redes. De qualquer forma, com a segunda vitória consecutiva, a equipe alviverde já abre boa vantagem no grupo C do Campeonato Paulista e não deve ter grandes problemas para avançar ao mata-mata.

Regulamento do Paulistão 2022:

O Campeonato Paulista de 2022 adota o mesmo regulamento da edição passada. Ou seja, com os times enfrentando por uma vez adversários dos outros grupos.

Em cada chave, avançam apenas os dois times que somarem mais pontos. Esses dois classificados se enfrentarão em jogo único nas quartas. Depois, mais jogo único nas semifinais para a definição da grande decisão, que, aí, sim, serão em jogos de ida e volta.

Grupo C (o do Verdão):

1º Palmeiras: 6 pontos (2 jogos)
2º Ituano: 3 pontos (1 jogo)
3º Botafogo-SP: 1 ponto (1 jogo)
4º Mirassol: 0 ponto (estreia hoje à noite, em casa, contra o Red Bull Bragantino)

Como o Palmeiras espera chegar para o Mundial de Clubes?

Neste ano o time de Abel Ferreira se aproxima do Mundial de Clubes com uma grande expectativa de ao menos chegar na final, e com o sonho de levantar o título da competição pela primeira vez logo após ter vencido a competição sul-americana, de forma a calar os rivais que não consideram a conquista de 1951, quando ainda não havia uma disputa oficial entre clubes da América do Sul. A FIFA, porém, reconhece o Palmeiras não apenas como campeão, mas como o primeiro campeão mundial entre clubes da história. Para voltar a levantar o troféu em 2022 o Palmeiras tem garantida a permanência do técnico Abel Ferreira e todo o seu time principal, que disputou a final da Copa Libertadores da América contra o Flamengo. A experiência do elenco deve ser importante para alcançar o objetivo de disputar a final, principalmente porque o adversário pode ser o mesmo do ano passado, o Al-Ahly, do Egito, que eliminou o Palmeiras na última edição da Competição Mundial e mais uma vez está presente na competição, mas vai precisar passar pelo Monterrey, do México, para enfrentar o Palmeiras na semifinal. Seja qual for o adversário, a partida de semifinal não vai ser fácil, mas o momento é excelente para os comandados de Abel Ferreira, que devem chegar confiantes para a competição. A expectativa é enfrentar o Chelsea na final, o atual campeão da Liga dos Campeões, que aguarda na semifinal o vencedor de um outro confronto de quartas de final, que envolve o Al Hilal, da Arábia Saudita, e o vencedor de um confronto qualificatório que acontece entre Al Jazira, do Emirados Árabes Unidos, e Pirae, do Taiti. Antes de tudo isso, porém, o Palmeiras ainda tem mais duas partidas pelo Campeonato Paulista: enfrenta o São Bernardo fora de casa no próximo sábado (29) e, na próxima terça-feira (01/02), recebe o Água Santa no Allianz Parque.

* Texto atualizado por Betmotion Blog

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.