Montillo, ex-Cruzeiro, perde pai e avô, vítimas da Covid-19

Rogerio Jovaneli
Rogerio Jovaneli

O novo coronavírus (Covid-19) vitimou pai e avô do meia Montillo, de passagem destacada pelo Cruzeiro e que hoje defende a Universidad de Chile.

Walter Óscar Montillo, tinha 60 anos e desde o último sábado estava internado em um hospital na Argentina com graves problemas respiratórios, o que reforça o diagnóstico Covid-19.

Ao se manifestar lamentando o falecimento do pai de Montillo, La U mencionou a perda do avô do jogador, Óscar, de 91 anos, há poucos dias, apresentando os mesmos sintomas do novo coronavírus.

 

O Cruzeiro, clube onde Montillo atuou no Brasil, entre 2010 e 2012, também prestou condolências ao meia argentino.

Acesse apostas esportivas no site do Betmotion.

Além disso, confira, também, a nossa seção de Análises e Palpites.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *