Em final pegada, Corinthians e Palmeiras não saem do 0 a 0

Rogerio Jovaneli
Rogerio Jovaneli

Paulista
COR0
0PAL

No primeiro jogo da final do Campeonato Paulista, muita marcação, dedicação dos jogadores e poucas criação. No final, empate por 0 a 0 em Itaquera.

Não faltou disposição dos jogadores na pegada primeira partida da final paulista, em Itaquera (Foto: Rodrigo Corsi/Paulistão)

O primeiro tempo teve ligeira superioridade do Corinthians, que teve mais a posse de bola e criou as duas chances mais claras para marcar, com Ramiro e Mateus Vital. Weverton salvou. Mas o Palmeiras terminou melhor, mais presente no campo de ataque, pressionando os mandantes.

No intervalo, Vanderlei Luxemburgo fez duas alterações. Trocou um dos meio-campistas, Bruno Henrique no lugar de Ramires, e, a mais relevante, abriu mão do seu atacante mais fixo na área, Adriano, para a entrada de um mais móvel, Willian, que havia ficado no banco para a entrada de Zé Rafael.

Com isso, o Palmeiras, que nos primeiros 45 minutos entrou para mais não deixar o Corinthians jogar do que ele atacar, passou ele a botar pressão na defesa corintiana, que não conseguia sair para frente, tamanha a marcação adiantada alviverde.

Verdade que o Verdão não conseguiu criar lá grande perigo para Cássio, mas manteve o mandante longe da sua área. 

Acesse apostas esportivas no site do Betmotion.

Além disso, confira, também, a nossa página betmotionbr no Instagram, com bônus, dicas e promoções.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *