Fifa deve oficializar novo Mundial de Clubes para 2022

Rogerio Jovaneli
Rogerio Jovaneli

Previsto para ocorrer de 17 de junho a 4 de julho de 2021 na China, a primeira edição do novo Mundial de Clubes da Fifa, com 24 clubes (8 da Europa, 6 da América do Sul, 3 da Concacaf, 3 da África, 3 da Ásia e 1 da Oceania) e disputado a cada quatro anos, não deve mais acontecer no ano que vem.

Com gol do brasileiro Firmino, o Liverpool derrotou o Flamengo e sagrou-se campeão do Mundial de Clubes de 2019 (Reprodução: Instagram)

Segundo o jornal espanhol As, a entidade deverá oficializar em breve o adiamento do torneio para 2022, devido às mudanças no calendário do futebol mundial, como consequência da crise pelo novo coronavírus (COVID-19).

Eurocopa e Copa América, por exemplo, que ocorreriam neste ano, foram proteladas para junho e julho de 2021, chocando justamente com o período originalmente destinado ao novo Mundial de Clubes.

A nova versão do torneio da Fifa substituirá a versão atual de sete equipes (os campeões continentais, mais o representante do país-sede).

O objetivo é tornar a competição mais atraente, tanto do ponto de vista esportivo quanto do financeiro.

A princípio, o Flamengo, campeão da Libertadores de 2019, já está garantido no novo Mundial.

A Federação Chinesa de Futebol definiu as seguintes sedes para a primeira edição do reformulado torneio: Xangai, Tianjin, Guangzhou, Wuhan, Shenyang, Ji’nan, Hangzhou e Dalian.

Acesse apostas esportivas no site do Betmotion.

Além disso, confira, também, a nossa seção de Análises e Palpites.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *