Fifa autoriza cinco substituições e pausa na adoção do VAR

Rogerio Jovaneli
Rogerio Jovaneli

A International Football Association Board (IFAB) aprovou uma proposta da Fifa de emenda temporária à regra sobre substituições no futebol, de forma a permitir um máximo de cinco alterações por equipe nas partidas.

Fifa autoriza cinco substituições por equipe até o fim do ano (Reprodução: Twitter/IFAB)

A princípio, vale apenas para competições com conclusão até 31 de dezembro de 2020, mas em seu comunicado da IFAB dá a entender que ela e a Fifa podem avaliar eventual necessidade de contemplar torneios que precisem acabar só em 2021.

A mudança sugerida pela entidade máxima do futebol mundial tem por objetivo permitir que os clubes, certamente afetados pela paralisação na pandemia, possam melhor administrar o desgaste físico dos seus elencos.

As 5 trocas devem ser feitas em três oportunidades

Para evitar excesso de interrupções no jogo, e até que técnicos usem a novidade para deliberadamente quebrar o ritmo da partida, ficou estabelecido que as cinco trocas precisam ser feitas pela equipe em, no máximo, três oportunidades. Ou seja, para usar todas elas, necessariamente o treinador teria que efetuar em dois momentos substituições de dois jogadores de uma vez só, mais uma troca simples em outra oportunidade, totalizando as cinco mudanças de atletas.

Caso a competição preveja em seu regulamento substituição extra na prorrogação, nesse caso o total máximo de trocas de atletas por time poderia chegar a seis (as cinco substituições no tempo regulamentar, mais a adicional no tempo extra).

Pausa opcional na adoção do VAR

No comunicado, a entidade que rege as regras do futebol abre a possibilidade para a interrupção da adoção do VAR (Árbitro Assistente de Vídeo), em caso de necessidade, a critério de cada organizador da competição com encerramento previsto até o fim do ano.

No entanto, caso a opção seja pelo uso do VAR, deverá ser respeitado todo o seu protocolo.

Acesse apostas esportivas no site do Betmotion.

Além disso, confira, também, a nossa seção de Análises e Palpites.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *