VAR e equilíbrio marcam Brasileirão 2020 em meio à pandemia

Rogerio Jovaneli
Rogerio Jovaneli

Acabou o Brasileirão 2020, um campeonato disputado com estádios vazios, em meio a uma pandemia que já matou mais de 250 mil brasileiros – 1,5 mil óbitos nesta quinta (25) de derradeira rodada, um triste recorde – e com o VAR como o grande protagonista. Teve muita polêmica.

No 0 a 0 entre Internacional e Corinthians, no Beira-Rio, resultado que tirou do Colorado a chance de ser campeão, houve anulação correta de dois gols, por impedimento. Um de Yuri Alberto, no 1º tempo, e outro de Edenílson, já nos acréscimos do jogo.

E ainda um pênalti foi desmarcado após consulta ao VAR. O árbitro Wilton Pereira Sampaio mudou a própria marcação de campo. Ele deu pênalti, após toque da bola no braço do corintiano Ramiro, e voltou atrás ao ser chamado à revisão no monitor.

Árbitro muda marcação de pênalti para o Inter após ver no monitor

(Reprodução: Premiere/Globo)

Equilíbrio

O equilíbrio, também, marcou o Brasileiro de 2020, tanto que houve disputa até o último lance…do Beira-Rio, onde o Internacional ficou em um empate sem gols com um time corintiano, que só cumpria tabela, pois já havia assegurado vaga na Copa Sul-Americana.

Faltou repertório ofensivo e precisão nas poucas chances que criou – Cássio foi bem – para findar o longo jejum de 41 anos sem ser campeão nacional.

Enquanto isso, no Morumbi, um São Paulo igualmente paupérrimo na criação, conseguiu vencer um Flamengo também em má jornada, por 2 a 1.

Luciano abriu o placar, Bruno Henrique empatou e Pablo decretou o placar final que, graças ao Timão, valeu o título brasileiro aos cariocas.

E não foi dessa vez que o treinador Rogério Ceni derrotou o São Paulo. Desde que se tornou treinador, jamais venceu o ex-time.

Fica a frustração para Abel Braga e os seus comandados e a lição: pragmatismo por vezes rende vitórias, mas para ser campeão precisa de um algo mais.

A última e decisiva 38ª rodada do Brasileirão 2020 ainda teve…

Fred comemorando gol contra o Fortaleza na última rodada do Brasileiro 2020

Com gols de Fred e Matheus Ferraz, o Fluminense se despediu do Brasileirão 2020 vencendo o Fortaleza por 2 a 0 no Maracanã (Foto: Lucas Merçon / Fluminense F.C.)

  • Fluminense vencendo bem o Fortaleza, por 2 a 0, em terminando numa ótima quinta colocação, que dá a vaga na Pré-Libertadores (o São Paulo ficou com a vaga na fase de grupos). Contudo, se o Palmeiras for campeão da Copa do Brasil (final será contra o Grêmio), o Fluzão herda essa vaga e entra já nos grupos.
  • Vasco ganhando do Goiás, por 3 a 2, resultado insuficiente para evitar o quarto rebaixamento à Segunda Divisão. Era difícil, já que precisava tirar uma desvantagem de 12 gols no saldo em relação ao Fortaleza, que escapou com os mesmos 41 do Cruz-Maltino.
  • Claudinho, um dos melhores jogadores do campeonato, marcando o gol da vitória do Red Bull Bragantino por 1 a 0 sobre o Grêmio. Time de Bragança Paulista está na Sul-Americana, enquanto o Tricolor gaúcho garantiu vaga na Pré-Libertadores, mas pode ir aos grupos se for campeão da Copa do Brasil.
  • Na despedida de Jorge Sampaoli, o Atlético-MG bateu o Palmeiras por 2 a 0 e garantiu o terceiro lugar no Brasileirão. Ambos estão na fase de grupos da Libertadores.
  • Bahia fez 2 a 0 no Santos e tomou do Sport a última vaga na Copa Sul-Americana. O Peixe está na Pré-Libertadores.
  • Já na Sul-Americana, o Athletico-PR derrotou o Sport, por 2 a 0, resultado que acabou com a chance do time pernambucano disputar esse torneio.
  • O Ceará, que vai à Copa Sul-Americana, terminou com chave de ouro a bela campanha que fez no Brasileiro. Venceu o já rebaixado Botafogo, por 2 a 1, ficando a apenas dois pontos de uma vaga na Pré-Libertadores.
  • O Atlético-GO, outro que surpreendeu e irá à Sul-Americana, encerrou o Brasileirão vencendo o rebaixado Coritiba, por 3 a 1. Com 50 pontos, registrou a sua maior pontuação da história.

Leia também:

São Paulo perde, e Flu segue na briga por vaga direta à Liberta

Argentino Hernán Crespo é o novo técnico do São Paulo

Flu volta à Libertadores, e Inter pode ser campeão contra o Fla

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *