Muriel brilha nos pênaltis e Fluminense é campeão da Taça Rio

Rogerio Jovaneli
Rogerio Jovaneli

Carioca
FLU1
1FLA

Não, não foi uma grande final de Taça Rio. Tanto Fluminense quanto principalmente o Flamengo deixaram a desejar no empate por 1 a 1 do tempo normal, mas ao menos a decisão carioca ganhou em emoção com a definição na disputa por pênaltis. Melhor para o Fluminense, que foi mais eficiente nas cobranças e contou com a estrela do seu goleiro Muriel para vencer por 3 a 2, faturando o troféu de campeão na noite desta quarta-feira (8), no Maracanã.

Como foram os penais

Na disputa da marca da cal, Nenê converteu a primeira cobrança. Gabigol também fez. Na segunda cobrança tricolor, porém, Diego Alves defendeu a batida de Dodi, só que aí foi a vez de Muriel brilhar, defendendo a cobrança de Willian Arão e ver o seu companheiro, Hudson, marcar.

Na sequência Léo Pereira isolou, chutando para fora. Mas Diego Alves novamente pegou uma cobrança, de Michel Araújo.

Restavam duas cobranças na série, uma para cada time. Fernando Pacheco bateu firme e fez, mas Rafinha parou no herói da noite, Muriel. Final: 3 a 2 para o Flu.

Os gols no tempo normal

Nos 90 minutos, Gilberto, aos 37 do primeiro tempo, colocou o Tricolor na frente. Egídio levantou a bola na área, Marcos Paulo desviou de cabeça e Gilberto, também de cabeça, mandou para as redes.

Mas aos 31 da etapa final Pedro deixou tudo igual, testando firme, sem chances para Muriel, aproveitando cruzamento do lateral-esquerdo Filipe Luís.

(Reprodução: Twitter)

Com a conquista tricolor do returno, o Flamengo, campeão da Taça Guanabara (primeiro turno do Carioca), perdeu a chance de conquistar o estadual antecipadamente e, assim, terá que disputar o título do campeonato em duas partidas finais contra o próprio Flu.

O primeiro jogo será no próximo domingo (12), às 16h, novamente com mando tricolor, e a segunda partida do confronto será na quarta-feira (15), às 21h30, dessa vez com mando rubro-negro.

Transmissão da FluTV não agradou

Destaque negativo para a transmissão da FluTV, que exagerou na torcida, a ponto de o narrador, Anderson Cardoso, evitar falar o nome dos jogadores do Flamengo, além de se referir ao Rubro-Negro como “o adversário”.

Nas redes sociais, houve muitas reclamações sobre o tom da transmissão tricolor. Coincidentemente, na etapa final o narrador passou a falar algumas vezes os nomes dos atletas flamenguistas.

Acesse apostas esportivas no site do Betmotion.

Além disso, confira, também, a nossa página betmotionbr no Instagram, com bônus, dicas e promoções.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *