38ª rodada da Série B define campeão e última vaga do acesso

Rogerio Jovaneli
Rogerio Jovaneli

Com dez jogos, sendo quatro decisivos para definir campeão e última vaga do acesso à elite nacional, acontece nesta sexta (29) a 38ª e última rodada da Série B.

troféu da série b

América-MG ou Chapecoense, um dos dois será campeão da Série B, que tem Juventude, CSA e Avaí brigando pelo acesso na última rodada (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

América-MG ou Chapecoense, um desses dois clubes será o campeão da Segunda Divisão. Juventude, CSA ou Avaí, um desses três estará na próxima edição do Brasileirão da Série A.

Os diferentes cenários para definição da quarta vaga do acesso:

América-MG e Chapecoense, com 70 pontos cada, e Cuiabá, com 61, já subiram para a Série A. Resta apenas uma última vaga à elite nacional. Vamos aos cenários:

Juventude

Em quarto lugar, com 58 pontos, o Juventude é o único que depende só do seu resultado para conseguir o acesso. Basta vencer o seu jogo de hoje, contra o Guarani, às 21h30, no Brinco de Ouro, em Campinas, e estará de volta à Primeira Divisão.

jogador do juventude

(Reprodução: Twitter da Série B / AGIF)

Já um empate em Campinas deixaria o o time de Caxias do Sul (RS) na dependência do resultado do outro postulante, CSA, em quinto, com 57. Os gaúchos teriam que torcer para que o time alagoano não vença o Náutico, no mesmo horário, nos Aflitos, em Recife (PE).

Se perder para o Guarani, além de ter de torcer pela derrota do CSA, precisaria contar que o Avaí, sexto, com 55, e igualmente na disputa pelo acesso, no máximo empate a sua partida, também fora de casa e às 21h30, contra o América-MG. Isso porque se os catarinenses vencerem o Coelho, combinado com uma derrota do Juventude, ambos ficariam com 58 pontos, só que o Avaí teria uma vitória a mais (17 a 16).

CSA

Os alagoanos do CSA sobem se vencerem o seu jogo contra o Náutico e o Juventude não ganhar do Guarani, em Campinas.

jogadores do CSA

(Reprodução: Twitter da Série B / AGIF)

Também pode conseguir o acesso com um empate, mas aí desde que ocorra essa combinação: Juventude perca em Campinas (nesse cenário, o CSA ficaria à frente com melhor saldo de gols: 13 a 9) e empate ou derrota do Avaí (se vencer, os catarinenses teriam os mesmos 58 pontos e vantagem no número de vitórias: 17 a 16).

Avaí

O Avaí é aquele em situação mais difícil na briga por vaga na elite nacional. É o único cujo empate não serve em hipótese alguma.

Raf e outros jogadores do Avaí

(Reprodução: Twitter da Série B / AGIF)

Portanto, precisa obrigatoriamente vencer seu jogo contra o América-MG, que, é bom lembrar, tem muito interesse nessa partida, pois pode valer o título da Série B.

E mais: o Avaí ainda tem que torcer para o Juventude perder e o CSA pelo menos empatar. Nesse caso, o Avaí iria aos mesmos 58 pontos que teriam os seus concorrentes nesse cenário e ainda levaria vantagem no número de vitórias (17 a 16).

A situação da briga pelo título da Série B:

Empatados em pontos (70), vitórias (19) e saldo de gols (19), América-MG e Chapecoense chegam (quase) tão iguais à última rodada (os mineiros só estão à frente no critério de gols marcados: 41 a 39) que obrigaram a CBF a fabricar dois troféus de campeão da Série B, levando um para Belo Horizonte e outro para Chapecó, locais das derradeiras partidas dos times na briga pelo título.

Jogadores de América-MG e Chapecoense, primeiro e segundo colocados da Série B. Campeão depende de última rodada

Equilíbrio: América e Chape e a acirrada disputa pelo título da Série (Imagens: reprodução/Márcio Cunha/ACF)

Como já mencionado neste post, o América-MG joga em casa contra o Avaí, que ainda briga pelo acesso. O jogo será no Independência. A Chapecoense, por sua vez, recebe na Arena Condá o Confiança, 14º colocado e só cumprindo tabela na Série B.

A disputa é tão equilibrada que, mesmo no caso dos dois empatarem, ainda assim pode haver reviravolta e a Chape ficar à frente do Coelho. Basta que faça três gols a mais do que o América-MG. Por exemplo, empate por 3 a 3 em Santa Catarina, combinado a um 0 a 0 no Horto. Nesse cenário, a equipe catarinense ficaria com o título com 42 gols pró, contra 41 dos mineiros.

campanhas de américa-mg e chape na série b 2020

No caso da Chapecoense, que está em desvantagem no critério de gols pró, se as vitórias forem pela mesma diferença de saldo, obrigatoriamente o triunfo da Chape teria que ser marcando três ou mais gols do que aqueles feitos pelo Coelho. Por exemplo, Chapecoense 4 x 3 Confiança e América 1 x 0 Avaí),

E, claro, se ambos ganharem as suas partidas, será campeão aquele que vencer por diferença maior de gols (teria vantagem no saldo de gols). Da mesma forma, se os dois times forem derrotas na última rodada, ficará em primeiro obviamente aquele que perder por diferença menor de gols.

Leia também:

Figueirense, Paraná, Botafogo-SP e Oeste caem para Série C

Luxemburgo reassume Vasco para tirá-lo da ‘zona da confusão’

Cuiabá perde técnico horas antes de enfrentar o Grêmio hoje

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *