Série B chega à reta final com indefinições

Fernando Verchai
Fernando Verchai

Líder, América Mineiro depende apenas de si para se tornar primeiro e único tricampeão

Estádio Independência, casa do América-MG (Reprodução: Instagram/América-MG)

A 36ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro inicia nesta terça-feira, às 16 horas, com o líder em campo. A partida que vai ser transmitida pelo SporTV em canal fechado envolve o América Mineiro, que chegou às semifinais da Copa do Brasil e vem na 1ª posição da tabela, e o Grêmio Esportivo Brasil, de Pelotas (RS), que já não tem grandes pretensões no campeonato. A equipe gaúcha ocupa a 11ª posição e já não pode mais ser rebaixada, assim como precisaria de um milagre para alcançar uma vaga para a Série A. Do outro lado, o América Mineiro conseguiu efeito suspensivo para contar com o técnico Lisca à beira do gramado, o qual recentemente foi condenado à duas rodadas de suspensão por ofensas ao árbitro em partida da 20ª rodada. Tendo cumprido apenas o jogo seguinte, automático pela regra do cartão vermelho, Lisca teria de cumprir suspensão na partida desta terça, mas conseguiu um efeito suspensivo junto ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva ainda na segunda-feira e está liberado para comandar a equipe. Por conta disso, o América Mineiro tem boas chances de voltar a vencer no campeonato e se manter na liderança isolada. A equipe de Lisca segue invicta desde a 26ª rodada, mas dois empates consecutivos nas últimas rodadas permitiram que a Chapecoense voltasse a se aproximar do topo da tabela. Além da pressão pelo resultado, o América Mineiro também vai precisar lidar com a ausência de jogadores importantes, como Daniel Borges, Léo Passos e Rodolfo (lesionados); e Diego Ferreira, Flavio e Matheus Cavichioli (lesionados). Portanto, se o Brasil de Pelotas estiver disposto a seguir firme até o fim do campeonato mesmos em tem maiores pretensões, a partida pode se complicar para o América. É com isso que a Chapecoense (2ª colocada com apenas um ponto de distância do líder) conta, para que a equipe ganhe ainda mais motivação para enfrentar a Ponte Preta na quinta-feira (21), em partida que encerra a 36ª rodada. O problema é que a Ponte ainda luta por um lugar na zona de acesso para a Série A e vai estar concentrado em buscar um resultado positivo.

Muito próximo de confirmar o acesso, Cuiabá enfrenta o Paraná, que lutam contra o rebaixamento

Atual 3º colocado com 58 pontos, o Cuiabá está a uma vitória de confirmar seu acesso para a Série A em 2021, mas vai ter um grande desafio nesta terça-feira (19), diante do Paraná. Isso porque a equipe tricolor precisa desesperadamente dos três pontos, para que fique mais próximo de deixar a zona de rebaixamento. Neste momento o Paraná ocupa a 18ª posição, estando exatos três pontos atrás de Náutico e Figueirense, que são os primeiros fora da zona de rebaixamento. A equipe conseguiu manter viva a esperança de permanência na Série B depois de surpreender o CSA na 34ª rodada, mas voltou a decepcionar na última rodada, perdendo uma partida dura contra o Sampaio Corrêa, fora de casa. Agora a missão é ainda mais difícil, pois é contra uma equipe que luta na parte mais alta da tabela e, mais do que isso, está a uma vitória de confirmar o acesso para a Série A. O Cuiabá foi uma equipe que mostrou solidez desde o início do campeonato e, mesmo não tendo força para se manter na luta pelo título, dificilmente vai deixar escapar o acesso, o qual pode ser confirmado já nesta terça-feira. Para isso, porém, o Cuiabá precisa torcer para que o Centro Sportivo Alagoano (CSA) não vença o Botafogo de Ribeirão Preto (SP). A partida acontece também nesta terça, às 19:15, com transmissão exclusiva do Premiere para os assinantes do pay-per-view. Atualmente na 5ª posição, o CSA é o primeiro fora da zona de acesso para a Série A, estando dois pontos atrás do 4º colocado (Juventude) e cinco do Cuiabá (3º). Esta possivelmente é a última chance da equipe alagoana CSA de se manter forte na busca pelo acesso, tendo em vista que uma derrota ou mesmo um empate pode permitir que os times da frente abram larga vantagem faltando apenas duas rodadas para o término do campeonato.

Avaí tem última chance diante do Juventude, e pode tirar o adversário do G4

Ainda nesta terça-feira, outras duas partidas que acontecem às 19:15 e serão transmitidas com exclusividade pelo canal Premiere podem movimentar as coisas na tabela de classificação da Série B do Campeonato Brasileiro. Uma delas envolve a parte de cima da tabela: o 4º colocado (último na zona de acesso para a Série A) Juventude vai até Santa Catarina para enfrentar o Avaí, que ainda sonha com um lugar no chamado “G4”. No entanto, apesar de ser apenas o 8º colocado, o Avaí está seis pontos atrás do Juventude e ainda sonha com um lugar na zona de acesso para a série A. Para isso, a vitória é fundamental. É tudo ou nada para o Avaí, que pode acabar sendo prejudicado pela ansiedade se o Juventude estiver com a cabeça no lugar e aplicar uma boa estratégia de jogo, assim como fez na última rodada, diante do Cruzeiro.

Em Maceió (AL), o CRB (12º colocado) recebe o Figueirense já sem grandes pretensões, mas a equipe catarinense precisa de um resultado positivo para se manter fora da zona de rebaixamento. Até mesmo um empate pode levar o Figueirense para o chamado “Z4”, uma vez que a equipe, que ocupa a 15ª posição, soma os mesmos 39 pontos do Náutico (16º) e Vitória (17º), que é o primeiro time na zona de rebaixamento. E a necessidade pode fazer a diferença nesta partida, que envolve duas equipes mais ou menos semelhantes em sua capacidade, com a diferença de que o Figueirense demorou mais para render.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *