Indicação a melhor atriz coadjuvante – Oscar 2015

 atriz coadjuvante

As indicações dessa categoria estão desequilibradas. Há duas estreantes na categoria, Patricia Arquette por Boyhood e Emma Stone por Birdman. Uma atriz já consagrada e indicada ao Oscar no passado, Keira Knightley, está com dificuldades para levar esse prêmio, pois está ofuscada; há também Laura Dern que não costuma ter sorte na premiação. E a gigante, com um total de 19 indicações e três estatuetas, Meryl Streep concorrendo pela primeira vez por um papel em musical.Façam suas apostas, escolha o seu ator favorito e se ele vencer, você vence junto com ele.

As indicadas a melhor atriz coadjuvante são:

Patricia Arquette – Byhood: Estreante e favorita na categoria está indo muito bem, com uma interpretação que durou 12 nos em Boyhood, recebeu excelentes críticas, ganhou praticamente todas as premiações pré-Oscar. Ao contrário das categorias de melhor atriz e melhor ator, que não costumam premiar estreantes, essa categoria em especial tem esse hábito, como forma de revelar talentos, vide Lupita Nyong’o, Rachel Weisz e Tilda Swinton.

Emma Stone – Birdman: Essa é sua primeira indicação ao Oscar, e essa indicação vem como merecido reconhecimento pelo seu talento, mas assim como Edward Norton, será ofuscada por Michael Keaton, que concorre ao prêmio melhor ator pelo mesmo filme. Posição delicada, pois o filme é ótimo, está concorrendo em várias categorias, inclusive melhor ator e melhor ator coadjuvante, dificilmente a Academia premiará os três atores de um único filme. Outro ponto negativo é que ela é que tem apenas 26 anos, e desde Dreamgirls, com Jennifer Hudson, nenhuma atriz om menos de 30 anos venceu.
Keira Knightley – The Imitation Game: Após nove anos sem uma indicação ao Oscar, Keira tem uma indicação merecida. O filme é excelente e teve uma boa divulgação, mas a atriz está muito distante e apagada perto de suas concorrentes. O estúdio The Weintein Company fará uma campanha para conseguir votos para a atriz, mas isso é algo que pode não dar certo.

Laura Dern – Wild: Depois de 23 anos Dern recebe uma nova indicação ao Oscar, e o ponto positivo para ela é que interpretou uma pessoa que de fato existiu. Sua atuação foi elogiada, mas é muito difícil que ganhe, por alguns momentos ela havia sido preferida pela Academia e a nomeação foi complicada.

Meryl Streep – Into The Woods: Concorrer com Meryl Streep por si só é uma honra e a presença do nome dela no meio das indicadas já eleva o nível da disputa a outro patamar. Veterana e com 19 indicações ao Oscar, aliás, bateu seu próprio recorde esse ano, é a quarta vez que é indicada como atriz coadjuvante e a ultima vez foi há 12 anos pelo filme Adaptação, sua primeira estatueta também veio dessa categoria pelo filme Kramer Vs. Kramer há 35 anos. Contudo, é a primeira vez que ela recebe indicação por um papel em musical, que, aliás, fez com primor. Muitos estão apostando que esse será seu quarto Oscar em detrimento da favorita Patrícia Arquette, mas vamos combinar que perder para Meryl Streep é quase como não perder.

APOSTAR AGORA